Olá! Utilizamos cookies para oferecer melhor experiência, melhorar o desempenho, analisar como você interage em nosso site e personalizar conteúdo. Ao utilizar este site, você concorda com o uso de cookies.

Boa noite, Quinta Feira 29 de Fevereiro de 2024

Menu

Contra a dengue

SMS divulga balanço e destaca a importância de manter os cuidados no combate ao Aedes aegypti

O setor de endemias atendeu a 289 denúncias, resultando em 515 visitas para abordar problemas identificados

Saúde | 21 de Dezembro de 2023 as 12h 51min
Fonte: Daiane Stela - Assecom

Foto: Divulgação

O ano de 2023 está se aproximando da reta final, e a Secretaria Municipal de Saúde (SMS), por meio do Centro de Combate às Endemias, destaca a importância contínua dos cuidados para prevenir a propagação do mosquito Aedes aegypti em Sinop.

Durante o ano, mais de 92,9 mil visitas domiciliares foram realizadas, incluindo 5,2 mil em locais estratégicos como ferros-velhos, borracharias, floriculturas e cemitério. O setor de endemias atendeu a 289 denúncias, resultando em 515 visitas para abordar problemas identificados. Mais de 2 milhões de recipientes potenciais de criadouros foram inspecionados, com mais de 9,3 mil amostras de larvas coletadas.

Segundo dados epidemiológicos da SMS, de janeiro a 20 de dezembro, a cidade registrou 430 casos confirmados de dengue, 25 de Chikungunya, e nenhum de Zika vírus. A colaboração da população é fundamental para manter os quintais livres de possíveis criadouros, por isso a necessidade de cada morador ser uma agente em sua casa. 

O coordenador de endemias, Alef de Souza Costa, ressalta que a atenção aos detalhes é crucial na prevenção do Aedes aegypti. “É de extrema importância cuidar das calhas, ralos, vasos de plantas e vasilhas de animais, locais propícios para a reprodução do mosquito. A colaboração de cada cidadão na eliminação desses potenciais criadouros é fundamental para mantermos nossa comunidade protegida. Vamos juntos garantir um ambiente mais seguro e saudável para todos."

A SMS reitera seu compromisso com a saúde pública e agradece à comunidade pela colaboração na prevenção dessas doenças transmitidas por mosquitos. Em casos de dúvidas e denúncias a população pode entrar em contato pelo telefone (66 9 9994-8559).