Olá! Utilizamos cookies para oferecer melhor experiência, melhorar o desempenho, analisar como você interage em nosso site e personalizar conteúdo. Ao utilizar este site, você concorda com o uso de cookies.

Bom dia, Sexta Feira 23 de Fevereiro de 2024

Menu

Prevenção

Mutirão de combate ao mosquito Aedes aegypti avança com quase 7 mil imóveis visitados

Até o momento, equipes de combate à dengue visitaram 6,9 mil imóveis, identificando 490 focos do mosquito transmissor

Saúde | 07 de Novembro de 2023 as 12h 44min
Fonte: Daiane Stela - Assecom

Foto: Assecom

O mutirão de combate ao mosquito Aedes aegypti, que teve início no dia 2 de outubro, está chegando à sua reta final com resultados promissores. Até o momento, equipes de combate à dengue visitaram 6,9 mil imóveis, identificando 490 focos do mosquito transmissor. Os trabalhos estão concentrados no Jardim Celeste, e a expectativa é de que até sexta-feira sejam concluídos

Alef de Souza Costa, coordenador de endemias, destaca a importância da colaboração da população nessa campanha crucial. Sob o slogan "Seja um Agente em Sua Casa", a iniciativa visa envolver os moradores no combate ao Aedes aegypti, que é responsável pela transmissão de doenças como a dengue, Zika vírus e a chikungunya.

Costa ressalta que a participação ativa dos cidadãos é essencial para eliminar os criadouros do mosquito e prevenir surtos dessas doenças. "Cada morador pode desempenhar um papel significativo em proteger a nossa comunidade e família", enfatiza.

O mutirão continuará a se desdobrar no último bairro do cronograma, com equipes de saúde atuando incansavelmente para conscientizar, inspecionar e eliminar focos do Aedes aegypti. A população está sendo orientada a cooperar, adotando medidas de prevenção em suas residências e locais de trabalho.

O engajamento de todos é fundamental para controlar a disseminação dessas doenças graves. As equipes de combate à dengue já passaram pelos bairros Oliveiras 1 e 2, Jardim Violetas, Boa Esperança e Jardim Imperial. O combate ao Aedes Aegypti é uma responsabilidade de todos, por isso é necessário que cada morador seja um agente em sua casa.