Olá! Utilizamos cookies para oferecer melhor experiência, melhorar o desempenho, analisar como você interage em nosso site e personalizar conteúdo. Ao utilizar este site, você concorda com o uso de cookies.

Boa noite, Terça Feira 28 de Junho de 2022

Menu

Saúde

Hospital Regional vai receber R$ 937 mil em equipamentos

Materiais vão aprimorar estrutura para diagnósticos e cirurgias

Sinop | 20 de Outubro de 2021 as 15h 59min
Fonte: Jamerson Miléski

Foto: Central de notícia

O governo do Estado anunciou nesta segunda-feira (18), um pacote de investimentos para modernizar os equipamentos de 8 hospitais regionais de Mato Grosso. A compra foi avalizada pela Comissão Intergestores Bipartite, prevendo a aplicação de recursos oriundos de emendas parlamentares e do Fundo Nacional de Saúde.

Para o Hospital de Sinop serão encaminhados 15 novos equipamentos, que custarão R$ 937.839,00. A unidade receberá 4 bombas de infusão de seringa, 3 capnógrafos, 5 fotoforos LED e um sistema de vídeo-endoscopia flexível.

O equipamento mais impressionante dessa leva de aquisição é o microscópio cirúrgico com freio eletromagnético e sistema de neuronavegação. O aparelho orçado em mais de meio milhão de Reais está entre os mais avançados equipamentos para neurocirurgia existentes no país.

O novo microscópio é operado por sistema de freios eletromagnéticos, o que aumenta a precisão e diminui a fadiga do cirurgião durante os procedimentos. Sua operação é controlada por sistema touch screen em painel de vídeo e por sistema de joy stick pelo cirurgião. O sistema ainda possui controle inteligente de foco e de luminosidade, aumentando automaticamente a intensidade da luz em lugares mais profundos. O microscópio possui sistema de vídeo integrado que permite a gravação de cirurgias ou sua reprodução.

Com esse aparelho, o cirurgião será capaz de identificar e distinguir os tecidos tumorais do cérebro. O equipamento também auxilia na identificação dos vasos sanguíneos em tempo real pela fluorescência, permitindo melhor controle de sangramentos e acidentes vasculares cerebrais.

O microscópio permite ainda completa integração com sistemas de neuronavegação (aparelho que permite obter informações de imagem durante a cirurgia e auxilia o cirurgião a “navegar” pelo cérebro), de estereotaxia, permitindo a realização de biópsias de tumores na profundidade do cérebro e de neuroendoscopia, que se utiliza de pequenas sondas para visibilização de estruturas cerebrais através de aberturas diminutas no crânio.