Olá! Utilizamos cookies para oferecer melhor experiência, melhorar o desempenho, analisar como você interage em nosso site e personalizar conteúdo. Ao utilizar este site, você concorda com o uso de cookies.

Bom dia, Domingo 21 de Abril de 2024

Menu

Safra

Soja 2023/24 em Mato Grosso tem os piores índices em 10 anos

Monitoramento indica um cenário atípico no estado

Rural | 29 de Fevereiro de 2024 as 10h 13min
Fonte: Agrolink

Foto: Agência Estadual Notícias

Os índices de satélite são excelentes indicadores do potencial produtivo de uma lavoura, e um dos índices mais utilizados para o monitoramento é o Índice de Vegetação por Diferença Normalizada (NDVI). Esse índice é crucial para monitorar a saúde das plantas, a biomassa vegetal, a produtividade potencial das culturas e monitorar mudanças na cobertura vegetal ao longo do tempo.

 Dito isto, o monitoramento indica um cenário atípico no estado de Mato Grosso. As áreas de soja apresentam os menores valores de NDVI desde 2019, sendo inferiores aos menores índices na média de 10 anos.

Essa redução vem tanto no ponto de máximo “verdor” das lavouras, quanto na duração do ciclo. Ou seja, uma combinação que vem sendo observada no rendimento médio das lavouras com o avanço da colheita.

Embora não seja possível quantificar diretamente a queda no rendimento médio, os valores de NDVI da safra 2024/24 são os menores dos últimos 5 anos, ficando abaixo da safra 2018/19 onde a produtividade média estimada foi de 3400 Kg/ha.

Tomando uma relação direta, a média de produtividade da safra de 2023/24 pode ficar abaixo do registrado em 2018/19.