Olá! Utilizamos cookies para oferecer melhor experiência, melhorar o desempenho, analisar como você interage em nosso site e personalizar conteúdo. Ao utilizar este site, você concorda com o uso de cookies.

Bom dia, Sexta Feira 24 de Setembro de 2021

Polícia

Traficante é preso em flagrante suspeito de manter a própria mãe em cárcere privado

Sinop | 07 de Agosto de 2021 as 08h 22min

A Polícia Civil, por meio da Delegacia Especializada de Roubos e Furtos (Derf), prendeu um homem na manhã desta sexta-feira (06), em Sinop, durante averiguação de uma denúncia de agressão no âmbito da violência doméstica e familiar.

O suspeito de 33 anos foi autuado em flagrante por tráfico de drogas. Ele também responderá a inquérito instaurado para apurar os crimes de sequestro e cárcere privado e ameaça.

As diligências iniciaram após denúncia sobre um endereço no bairro Boa Esperança, onde uma mulher vinha sofrendo torturas física, psicológica e cárcere privado, praticados pelo próprio filho, que além de violento, agia no tráfico de drogas na região.

Imediatamente, a equipe foi até o endereço mencionado, sendo recebida pela vítima que autorizou a entrada no local. Durante entrevista, a vítima confirmou os fatos narrados na denúncia, revelando um histórico de agressões, e já havia solicitado as medidas protetivas da Lei Maria da Penha.

A vítima informou que o suspeito é muito agressivo e teme pela própria vida. Ela relatou que após o seu filho também passou a perseguir a ex-namorada após o término do relacionamento. Em uma das agressões praticadas contra a mãe, ele teria obrigado a vítima a ficar de joelhos, enquanto a agredia com socos e pontapés e a mandava rezar para voltar com a ex-companheira.

Durante buscas no imóvel, os policiais civis apreenderam seis porções médias de maconha dentro do banheiro. Questionado, o suspeito confessou que a droga era para a venda.

Diante dos fatos, ele foi conduzido até a delegacia, interrogado e autuado em flagrante. Após a confecção dos autos, o preso foi apresentado e colocado à disposição da Justiça.