Olá! Utilizamos cookies para oferecer melhor experiência, melhorar o desempenho, analisar como você interage em nosso site e personalizar conteúdo. Ao utilizar este site, você concorda com o uso de cookies.

Bom dia, Segunda Feira 04 de Julho de 2022

Menu

Polícia

Sinop: Homem é preso após tentar balear cabeça da ex-mulher

Vítima passou por diversas situações de violência; por último, depois de separada, o suspeito voltou a agredi-la por ela se recusar a continuar o casamento

Tentativa de feminicídio | 09 de Fevereiro de 2022 as 19h 35min
Fonte: Redação com assessoria

Foto: Assessoria

Um homem de 61 anos foi preso nesta segunda-feira (07.02) pela Polícia Civil, em Sinop, por tentativa de feminicídio praticada contra sua ex-esposa. O crime ocorreu no fim de dezembro quando o suspeito encostou uma arma de fogo contra a cabeça da vítima e tentou disparar por três vezes.

Os dois viveram juntos por 21 anos e há pouco mais de três meses, a vítima pediu a separação. Ela relatou na Delegacia Especializada de Defesa da Mulher de Sinop que o suspeito não aceitava o fim da relação e durante o período que estiveram juntos, foi ameaçada e sofreu diversas formas de violência, entre elas psicológica, física e patrimonial. As agressões ocorriam, inclusive, na frente dos filhos, ainda crianças e ela disse que não o denunciou antes porque era constantemente ameaçada.

A vítima acrescentou ainda que em várias ocasiões, o agressor tentou reatar o casamento e, em uma delas, diante de uma negativa, ele tentou feri-la com uma faca.

No dia 26 de dezembro, o agressor novamente manteve contato com a ex-mulher tentando retomar o relacionamento. Armado, o homem, que trabalha como caminhoneiro, apontou a arma para a vítima e puxou o gatilho por três vezes.

A vítima conseguiu fugir e na delegacia relatou o que havia ocorrido. O delegado Pablo Carneiro informou que foi solicitada medida protetiva para a mulher e instaurado inquérito para apuração dos fatos.Diante das informações coletadas, foi representada à Justiça pela prisão preventiva do suspeito.

A equipe da Delegacia da Mulher monitorou a chegada do suspeito a Sinop, que estava viajando a travalho, e depois de se certificar da presença dele em sua residência, conseguiu atrai-lo para fora da casa e efetuar a prisão.

“A delegacia vem atuando de forma bastante efetiva com as vítimas que buscam ajuda, dando o suporte policial necessário, como pedidos de medidas protetivas, investigações com representação de prisão, e a resposta imediata para que os casos não evoluam e possam chegar a algo mais grave”, destacou o delegado Pablo.