Olá! Utilizamos cookies para oferecer melhor experiência, melhorar o desempenho, analisar como você interage em nosso site e personalizar conteúdo. Ao utilizar este site, você concorda com o uso de cookies.

Bom dia, Domingo 19 de Setembro de 2021

Polícia

Policiais do Raio apreendem mais de dez quilos de drogas

A droga apreendida estava armazenada em sacos de lixo escondidos em um matagal as margens do rio

Apreensão de drogas | 09 de Abril de 2021 as 16h 35min
Fonte: Assessoria PMMT

Assessoria PMMT

Policiais da 24 ª Companhia Raio de Moto-patrulhamento apreenderam mais de 10 quilos de entorpecentes escondidos em sacos de lixo as margens do Rio Cuiabá, na quinta-feira (8), na capital. Tabletes e porções de maconha, pasta base de cocaína e ácido bórico foram apreendidos na ação policial.

Durante patrulhamento, a equipe Raio foi acionada por populares que denunciaram que havia pessoas vendendo drogas nas margens do Rio Cuiabá, no bairro Praeirinho. Os denunciantes ainda relataram que o entorpecente estaria sendo guardado pelos criminosos em um matagal da região.

De imediato, os policiais que atuam em motocicletas intensificaram o policiamento na região de margem do rio. Durante a saturação do local, as equipes do Raio abordaram um homem de 25 anos com passagem criminal por crimes de roubo e tráfico de drogas.

Na abordagem, o suspeito demonstrou nervosismo, enquanto a PM fazia uma varredura no terreno de difícil acesso, localizado as margens do Rio Cuiabá. Na ação, os policiais apreenderam dois sacos de lixos camuflados na vegetação com mais de 10 quilos de entorpecentes entre tabletes de maconha e pasta base de cocaína. Além de 1kg de ácido bórico e balanças de precisão.

Quando a polícia encontrou os sacos de lixo com a droga, o suspeito em ato de desespero, se lançou do barranco de aproximadamente 15 metros de altura em direção ao Rio Cuiabá e desapareceu.

Os policiais realizaram diligências e buscas em toda a região atrás do suspeito , mas até o momento o homem  não foi localizado. A droga foi apreendida e entregue à Polícia Judiciária Civil.