Olá! Utilizamos cookies para oferecer melhor experiência, melhorar o desempenho, analisar como você interage em nosso site e personalizar conteúdo. Ao utilizar este site, você concorda com o uso de cookies.

Bom dia, Sexta Feira 01 de Março de 2024

Menu

Investigação

Polícia Civil prende em flagrante autores de homicídio

Também foram apreendidas armas de fogo, munições, dinheiro, celulares e drogas

Polícia | 12 de Maio de 2023 as 18h 37min
Fonte: Assessoria

Foto: Assessoria

Oito pessoas que participaram do plano e execução do homicídio praticado contra Douglas de Oliveira Paiva, de 28 anos, na quinta-feira (11.05), em de Cáceres (225 km a oeste de Cuiabá), foram identificadas e presas em flagrante pela Polícia Civil.

A rápida ação da equipe da 1ª Delegacia de Polícia de Cáceres, resultou também na apreensão de duas armas de fogo, munições, mais de R$ 1,5 mil em dinheiro, celulares, balança de precisão e diversas porções de droga.

Os envolvidos, seis homens e duas mulheres, foram presos pelos crimes de homicídio, tráfico de drogas, associação para o tráfico, roubo e corrupção de menores. Um adolescente também foi apreendido por ato infracional.

As diligências iniciaram logo após a ocorrência de homicídio e cárcere privado, cometida em uma residência no bairro Jardim Guanabara. Na ocasião, indivíduos invadiram o imóvel e renderam os moradores, incluindo uma idosa.

As vítimas foram mantidas em cárcere privado, e em seguida a pessoa Douglas de Oliveira Paiva, foi assassinada por disparos de arma de fogo. Antes de fugir, os suspeitos reviraram a casa e subtraíram dinheiro e outros objetos. 

Nas investigações, apurou-se que o crime foi articulado pelo grupo que se reuniu, momentos antes, no mesmo bairro onde a vítima foi morta. A primeira a ser presa, foi a mulher de 23 anos, a qual confessou que as armas estavam em sua casa.

Em seguida os comparsas acabaram sendo surpreendidos pelos policiais civis na posse de dois revólveres, porções de maconha, mais de R$ 1,5 mil em notas trocadas, munições, celulares, entre outros materiais,

Diante dos fatos, os suspeitos foram conduzidos até a delegacia, interrogados e autuados em flagrante delito. Após a confecção dos autos, os presos foram apresentados e colocados à disposição da Justiça.