Olá! Utilizamos cookies para oferecer melhor experiência, melhorar o desempenho, analisar como você interage em nosso site e personalizar conteúdo. Ao utilizar este site, você concorda com o uso de cookies.

Boa tarde, Terça Feira 23 de Abril de 2024

Menu

Homicídio

Irmãos espancam trabalhador até a morte e se escondem em lavoura

Caso é investigado pela Polícia Civil

Polícia | 05 de Janeiro de 2024 as 09h 17min
Fonte: Folha Max

Foto: Reprodução

Dois irmãos apontados como autores de um bárbaro homicídio de Lúcio Flávio Rodrigues, de 36 anos, ocorrido na madrugada desta quarta-feira (03), na zona rural de Tabaporã, foram presos em flagrante pela Polícia Civil, poucas horas após o crime. Os suspeitos Jamilson Dias Carneiro e Mailson Carneiro Ribeiro, de 18 e de 24 anos, foram encontrados escondidos no meio da lavoura de soja na estrada e foram autuados em flagrante por homicídio qualificado. 

As investigações iniciaram logo após os policiais civis da Delegacia de Tabaporã serem acionados sobre um homicídio ocorrido na zona rural, no distrito de Nova Fronteira. Segundo informações, o crime ocorreu no alojamento de funcionários durante uma briga envolvendo dois irmãos e a vítima.

A vítima foi brutalmente espancada e morreu no local em decorrência dos graves ferimentos. Após os fatos, os suspeitos depredaram o alojamento e fugiram. 

No local, os policiais encontraram o interior da residência destruído, com portas quebradas, camas reviradas, objetos espalhados e uma porta de vidro estilhaçada. A vítima estava com o rosto desconfigurado ao lado da residência a aproximadamente 5 metros para dentro da lavoura de soja.

Segundo informações, Jamilson e Mailson bateram na vítima até sua morte, utilizando objetos não identificados, além de socos e chutes em seu rosto. Quando perceberam que a vítima estava desacordada começaram a quebrar o interior da residência e chegaram a tramar colocar fogo no corpo da vítima, porém empreenderam fuga sem fazê-lo.

Após a chegada da Polícia Civil, o corpo da vítima foi encaminhado para exame de necropsia, sendo iniciadas as diligências para localizar e prender os suspeitos. Durante o trabalho de busca, os policiais levantaram informações de que os suspeitos estavam a cerca de 15 quilômetros do local dos fatos, escondidos em meio a lavoura de soja, trafegando às margens da estrada.

Com apoio de drones e informações de populares, foram indiciadas as buscas terrestres, sendo os suspeitos localizados por volta das 16h30, poucas horas após o crime. Eles foram conduzidos à delegacia de Tabaporã, onde após serem interrogados foram autuados em flagrante pelo crime.