Olá! Utilizamos cookies para oferecer melhor experiência, melhorar o desempenho, analisar como você interage em nosso site e personalizar conteúdo. Ao utilizar este site, você concorda com o uso de cookies.

Bom dia, Sexta Feira 01 de Março de 2024

Menu

Avançou contra a guarnição

Homem fere companheiro de quitinete, avança contra policiais, é alvejado e morto em Juara

Os policiais deram voz de prisão para o homem e pediram que ele entregasse a foice, ele negou e avançou contra a guarnição

Polícia | 29 de Março de 2023 as 11h 02min
Fonte: Show de notícias

Foto: Show de notícias

Por volta das 07 horas da manhã desta quarta-feira, dia 29 de março de 2023, houve um desentendimento entre dois homens que moravam um umas quitinetes, localizadas na Rua Uruguai, no Bairro Jardim América.

De acordo com informações do delegado Eric Fantin, da Polícia Judiciária Civil e do comandante da Polícia Militar, tenente coronel Alex Fontes, os dois homens brigaram e um deles, identificado como Carlos das Chagas Mesquita, 31 anos, feriu o outro com uma foice.

O SAMU foi acionado para prestar socorro ao ferido e acionou a Polícia Militar, que esteve no local para verificar o que havia acontecido e ao chegar, se deparou com o agressor, ainda com a arma (ferramenta), em punho.

Os policiais deram voz de prisão para Carlos e pediram que ele entregasse a foice. O agressor não aceitou a ordem dos policiais e permaneceu com a ferramenta em punho, de maneira ameaçadora.

Após um pequeno dialogo e tentativa dos policiais de dissuadir o homem a se entregar, ele continuou irredutível e ainda avançou contra a guarnição.

Os policiais não tiveram outra alternativa, a não ser defender a própria vida, segundo o delegado e o comandante e dispararam contra o homem, que foi ferido de morte e veio a óbito no local.

A Polícia Judiciária Civil esteve no local colhendo as primeiras informações e acionou a Politec de Juína, para fazer a pericia e só depois o corpo será transladado para ser periciado no IML daquela cidade.

Segundo informações, Carlos das Chagas Mesquita era trabalhador de fazenda e quando vinha para a cidade, se hospedava nessa quitinete.

A vítima que foi ferida de foice por Carlos ainda não havia sido identificada pelo delegado, no momento em que concedeu entrevista para a imprensa.

O delegado da Polícia Judiciária Civil já abriu inquérito para investigar o caso e a Polícia Militar também fará seu procedimento de praxe para detalhar o fato.