Olá! Utilizamos cookies para oferecer melhor experiência, melhorar o desempenho, analisar como você interage em nosso site e personalizar conteúdo. Ao utilizar este site, você concorda com o uso de cookies.

Bom dia, Quarta Feira 27 de Outubro de 2021

Polícia

Ex-peão de rodeio acusado de matar a esposa e o enteado é preso no Pará

O crime aconteceu em 2013 em São José do Xingu em Mato Grosso.

Policial | 23 de Julho de 2021 as 15h 33min
Fonte: Anderson de Oliveira

Divulgação

Foi preso na manhã na última terça-feira (20), pela Polícia Civil, no município de Tucumã, sudeste do Pará, Milton Carneiro da Silva, de 39 anos, conhecido como "Couro Velho". O ex-peão é acusado de ter matado a facadas a ex-companheira, Ivoneide Meireles Cordeiro, e o enteado, Gilmar Guilherme da Silva, de oito anos de idade, em dezembro de 2013, na zona rural de São José do Xingu, no Estado do Mato Grosso, e estava foragido desde o dia do crime.

De acordo com o documento policial, acusado disse, em depoimento, que teria fugido para o Pará logo após cometer o crime, pois estaria com medo de ser morto pela população local, já que o crime causpu comoção popular. Milton prestou serviços nos municípios de São Félix do Xingu e Tucumã, onde passou a morar.

O ex-peão negou ter matado a criança, que vivia com o pai, no município de Alto da Boa Vista (MT), e passava o final de ano com a mãe. Segundo carneiro, após uma discussão, Ivoneide teria se armado com uma faca e partido para cima dele, que se defendeu e esfaqueou a amásia, em legítima defesa. Ele contou que, quando tirou a faca da vítima, o garoto já estava no chão.

Segundo a polícia, na região em que ocorreu o crime, o acusado era muito conhecido como peão de rodeios e tinha uma legião de admiradores. Milton Carneiro da Silva foi preso e será recambiado para o Mato Grosso, onde ficará à disposição da Justiça.