Olá! Utilizamos cookies para oferecer melhor experiência, melhorar o desempenho, analisar como você interage em nosso site e personalizar conteúdo. Ao utilizar este site, você concorda com o uso de cookies.

Boa tarde, Quarta Feira 18 de Maio de 2022

Menu

Geral

Yakao abre unidade de distribuição em Sinop

Proposta da empresa é resolver o problema de estoque para lojas e revendedores

Suporte para o varejo | 07 de Abril de 2022 as 08h 00min
Fonte: Jamerson Miléski

Foto: GC Notícias

Quanto dinheiro uma loja ou um revendedor precisa deixar parado em seu estoque? Indústrias, fabricantes e mesmo as principais distribuidoras do país costumam praticar um volume mínimo para cada compra. Pode ser uma caixa, um pallet ou um contêiner. Dependendo do tamanho da operação, esse “mínimo” pode ser demais. Enquanto boa parte do capital desse revendedor fica imobilizado com estoque, falta recurso para empreender e ampliar as vendas. “Deixe que a gente faz o estoque. Use esse dinheiro para investir no seu negócio”, afirma Rodrigo Nakao Yabumoto, diretor presidente do Grupo Yakao.

É com essa filosofia de trabalho que a Yakao chega fisicamente a Sinop. O grupo escolheu o município para abrir sua segunda unidade de distribuição em Mato Grosso. A escolha por Sinop, explica Rodrigo, tem por objetivo melhorar a logística de entrega e atendimento aos clientes do Norte de Mato Grosso, garantindo uma resposta mais rápida para os revendedores de toda região. “É uma cidade com um crescimento impressionante, com uma economia forte e dinâmica”, avaliou o diretor presidente.

A unidade de distribuição em Sinop tem uma área de estoque de 2 mil metros quadrados e foi aberta em fevereiro desse ano. Através dela a Yakao oferece um mix com cerca de 20 mil produtos diferentes. Os equipamentos de informática são o ponto forte do Grupo, que tem a sua origem vendendo teclados, mouses e computadores. “Hoje cerca de 50% das nossas vendas são equipamentos de informática. A parte de móveis vem em uma crescente”, revela o empresário.

No mix da Yakao é possível encontrar itens de papelaria, automação comercial, elétrica, jardinagem, pesca, piscina, produtos de limpeza e outros. Como é uma distribuidora, a Yakao vende para outros varejistas. Por isso é preciso ter CNPJ para comprar. As compras podem ser feitas pelo site do Grupo, por telefone ou, no caso de Sinop, no balcão. A venda presencial é uma peculiaridade da nova unidade. “Não trabalhamos com pedido mínimo. O revendedor não precisa comprar uma caixa ou uma carga fechada. Ele compra o quanto precisa naquele momento. Temos uma política de frete grátis e entregamos em todo o Estado”, explicou Rodrigo.

Em regra, a Yakao consegue entregar seus pedidos em 1 dia. Dentro de Sinop, e também em Cuiabá, é possível concluir a venda no mesmo dia. A distribuidora em Sinop fica na Avenida das Palmeiras, número 109, próximo ao novo terminal rodoviário da cidade.

Um grande estoque

A Yakao tem 31 anos de atuação. Começou suas atividades como uma “lojinha” de informática em Cuiabá. A empresa foi crescendo à medida que as pessoas precisavam adquirir itens de informática, mas as fabricantes não conseguiam atender o Estado. Mato Grosso não tinha volume de vendas suficiente para absorver a escala empregada pela indústria e o frete era um complicador.

O problema fez a jornada do Grupo. Em 2010, a loja vira a chave e passa a ser uma distribuidora, focada em abastecer o varejo em todo o Estado.

Segundo Rodrigo, a Yakao conta hoje com mais de 7 mil revendedores abastecidos pela distribuidora e mais de 80 mil clientes cadastrados. Sua central, em Cuiabá, tem 10 mil metros quadrados de área de estoque – o que coloca a empresa entre as 10 maiores distribuidoras do país em espaço de armazenagem. Um volume suficiente para abastecer os revendedores por um período de 3 meses.

No armazém da Yakao estão mais de 20 mil produtos diferentes de 500 marcas nacionais e internacionais. Segundo Rodrigo, cerca de 60% da mercadoria vem da indústria nacional. O maior volume de vendas é pela internet e para quem é consumidor final.

Atualmente o grupo conta com mais de 100 funcionários que mantém a operação. A empresa tem uma política bastante ativa no quesito treinamento e qualificação profissional, promovendo cursos periodicamente. “Ao longo desses anos, a Yakao conseguiu se estabelecer como distribuidora, fazendo essa conexão entre quem fabrica e quem revende. É satisfatório ver pequenos revendedores empreendendo e, com a nossa ajuda, crescendo e se estabelecendo no mercado”, finaliza Rodrigo Nakao Yabumoto, diretor presidente do Grupo Yakao.