Olá! Utilizamos cookies para oferecer melhor experiência, melhorar o desempenho, analisar como você interage em nosso site e personalizar conteúdo. Ao utilizar este site, você concorda com o uso de cookies.

Boa noite, Sexta Feira 01 de Julho de 2022

Menu

Geral

Vereador de Nova Mutum morre em acidente após deixar 'carta de despedida'

Romeu Belém cita desavenças com a ex-mulher em carta

Acidente fatal | 14 de Outubro de 2021 as 14h 35min
Fonte: Folha Max

Foto: Reprodução

O vereador de Nova Mutum, Romeu Belém (DEM), morreu após uma batida entre o carro que dirigia e uma carreta na BR-163, próximo ao município. A PRF desconfia que ele tenha provocado o acidente propositalmente, já que uma "carta de despedida" foi encontrada em seu veículo. Além disso, há um áudio encaminhado para familiares em que pede "perdão". 

A violenta colisão entre o veículo Kia conduzido pela parlamentar com a carreta Scania aconteceu no início da tarde desta quinta-feira (14), próximo à praça de pedágio (saída para Cuiabá). O vereador que dirigia o carro de passeio faleceu preso às ferragens.

Segundo informações da Rota do Oeste, concessionária que administra o trecho da rodovia onde aconteceu o acidente, as equipes foram acionadas às 12h44 para o atendimento de ocorrência no km 592 da BR-163, em Nova Mutum, envolvendo um veículo de carga e um utilitário. 

Quando os socorristas chegaram no local, constataram a morte do motorista do carro de passeio. O condutor da carreta foi encaminhado para o Hospital de Nova Mutum. Não foi informado se estaria em estado grave. 

Com o violento impacto, o carro saiu da pista e ficou com a frente totalmente destruída. A carreta parou na pista e, parte do cavalo mecânico, na faixa de acostamento.

Inicialmente, o caso era tratado como mais um, dos vários acidentes que ocorrem na BR-163. Porém, ao analisarem o carro do parlamentar, encontraram uma "carta de despedida", que indica que ele cometeu suicídio.

No texto, ele insinua desavenças com a ex-mulher para o ato. "A vontade de voltar o Romeu velho é imensa, a vontade de querer tirar a vida da mãe da minha é enorme, mas não quero fazer isso. Prefiro partir", diz trecho da carta.

A Perícia Oficial de Identificação Técnica (Politec) e a Polícia Civil foram acionadas para dar andamento à ocorrência.