Olá! Utilizamos cookies para oferecer melhor experiência, melhorar o desempenho, analisar como você interage em nosso site e personalizar conteúdo. Ao utilizar este site, você concorda com o uso de cookies.

Bom dia, Sábado 02 de Julho de 2022

Menu

Geral

Sinop sedia torneio nacional de tiro esportivo

Estimativa é de que aproximadamente 150 atletas participem da disputa

Etapa Regional | 23 de Maio de 2022 as 09h 53min
Fonte: Jamerson Miléski

Foto: Assessoria

Esta semana, Sinop será a capital dos competidores de tiro esportivo do Cento-Oeste. O município vai sediar a etapa Regional de Trap (Tiro ao Prato). O torneio começa na quarta-feira (25) e vai até sábado (28), quando os atiradores com melhor desempenho serão condecorados.

O evento é promovido pela ATS (Associação de Tiro de Sinop). As provas serão realizadas na pista de tiro da associação, que fica na Estrada Elizabeth, lote 6, entre as 8h e às 17h. A competição é aberta ao público, que pode acompanhar o desempenho dos atiradores esportivos.

Cerca de 150 atletas de vários estados da federação devem participar do torneio. Segundo o presidente da ATS, Osmar Borges, o campeonato Centro Oeste de Trap é uma das principais competições da modalidade olímpica que, integra competidores de todo país, e proporciona classificação e qualificação para final em um evento realizado nos Estados Unidos. “Essa etapa do regional é mais uma das grandes provas que tem no Brasil. Sinop é privilegiada em receber a competição. Dentro do roteiro do Tiro Esportivo no país, Sinop tem uma das melhores estruturas do país para sediar esse tipo de evento”, comenta Borges, citando além do clube de tiro, a estrutura hoteleira e de restaurantes da cidade, a logística aérea e a presença da Polícia Federal, órgão que regulamenta o transporte das armas e munições necessárias à prática.

O Tiro ao Prato, modalidade que estará em disputa nessa competição, é uma disputa entre atiradores que consiste em alvejar um prato de cerâmica, com 11 centímetros de diâmetro, em pleno voo. O objeto é lançado aleatoriamente por uma máquina e deve ser quebrado antes de tocar o solo. Para cada atirador são lançados 125 pratos, divididos em 5 rodas diferentes. Vence quem acertar mais alvos. As armas utilizadas são espingardas, sendo o limite o calibre 12, com cartuchos padronizados. O Tiro ao Prato tem 3 classes diferentes: a fossa olímpica, fossa dupla e o skeet. A diferença está basicamente no número de pratos lançados.

Os competidores são divididos em categoria, de acordo com a idade, de juvenil (abaixo de 15 anos) a veterano (acima de 65 anos). As mulheres atiradoras integram uma categoria única, independente da idade. “Os eventos de tiro em Sinop são com frequência um programa familiar. Maridos, esposas, filhos, compartilhando momentos em torno desse esporte”, comentou Borges.

 

A ATS

A associação foi fundada no ano de 2011 como clube de tiro, a fim de reunir praticantes do tiro esportivo e fomentar a pratica esportiva. No ano de 2017 a associação implantou sua sede própria, com uma estrutura moderna e uma pista de tiro que é referência para a prática no país.

Atualmente a entidade conta com 400 atletas filiados, está inscrita e regulamenta pelo Exército Nacional, seguindo as regras das demais forças de segurança.

A entidade tem movimentado o segmento no município. Segundo Borges, todos os anos a ATS recebe 10 etapas do Campeonato Brasileiro de Tiro Esportivo, a Liga Regional, 6 etapas do Campeonato Estadual, além do campeonato local. “Praticamente todo mês tem um ou dois eventos de tiro”, comenta o presidente.

Com os atiradores filiados, a associação detém todas as modalidades de armas e modalidades de tiro esportivo.