Olá! Utilizamos cookies para oferecer melhor experiência, melhorar o desempenho, analisar como você interage em nosso site e personalizar conteúdo. Ao utilizar este site, você concorda com o uso de cookies.

Boa noite, Terça Feira 28 de Junho de 2022

Menu

Geral

Rapaz some ao tentar atravessar rio em MT

Rapaz some ao atravessar rio em MT

Afogamento | 09 de Maio de 2022 as 07h 50min
Fonte: Folha Max

Foto: Reprodução

O jovem Moizés Carvalho Barboza, de 29 anos, está desaparecido após se afogar no Rio Sepotuba, na cachoeira Salto Maciel, em Tangará da Serra, a 242 km de Cuiabá. Ele afundou por volta de 12h desse sábado (7), quando tentou atravessar a nado o rio.

Segundo informações de pessoas próximas, a vítima que estava com a família havia acabado de chegar à cachoeira quando ele e o cunhado tentaram atravessar o rio para pescar, mas o Moizés não conseguiu completar a travessia e se afogou no meio do rio.

De acordo com os familiares, ele nadava em uma região relativamente calma, após a queda da cachoeira Salto Maciel, mas em um determinado momento, parou num rebojo e afundou. O corpo subiu em alguns pontos do rio, mas depois não conseguiram mais vê-lo.

O cunhado que havia conseguido atravessar o rio antes do Moizés ainda tentou salvar o jovem, mas não obteve êxito.

 

Buscas

O Corpo de Bombeiros realizou buscas na tarde de sábado até escurecer. Os trabalhos foram retomados neste domingo (8), mas ainda não conseguiram encontrar a vítima.

Além de buscas pelas margens, dois militares estão fazendo mergulhos na tentativa de encontrar o corpo caso esteja preso no fundo do rio.

O rio Sepotuba é conhecido por ser um rio perigoso já que em determinados pontos a água parece ser calma, mas a forte correnteza e os rebojos fazem com que as águas fiquem perigosas para banhistas.

A orientação do Corpo de Bombeiros é não atravessar nenhum tipo de rio, mesmo que a pessoa saiba nadar. Se caso presenciar um afogamento, não pular no rio na tentativa de ajudar, buscar por algum objeto que possa boiar ou algum pedaço de madeira que a vítima possa agarrar e ser puxada.