Olá! Utilizamos cookies para oferecer melhor experiência, melhorar o desempenho, analisar como você interage em nosso site e personalizar conteúdo. Ao utilizar este site, você concorda com o uso de cookies.

Bom dia, Domingo 03 de Março de 2024

Menu

Mato Grosso

Quanto dinheiro precisa para acabar com a falta de vagas em creches?

Encontrar a resposta para essa questão é o objetivo da reunião desta quarta-feira

Geral | 18 de Julho de 2023 as 10h 56min
Fonte: Redação

Foto: Assessoria TCE-MT

O GAEPE-MT (Gabinete de Articulação para a Efetividade da Política de Educação no Estado de Mato Grosso), é uma instância colegiada de diálogo e cooperação composta por 19 entes do setor público e sociedade civil envolvidos na política pública educacional. Amanhã, quarta-feira (19), esse grupo estará reunido pela 7ª vez. O ponto central da reunião será finalizar a estimativa de custo para a construção de creches em municípios mato-grossenses visando suprir a falta de vagas.

O documento será entregue pelo GAEPE-MT à Assembleia Legislativa, na perspectiva de assegurar o orçamento para esse tipo de investimento. É o que explica o conselheiro do Tribunal de Contas de Mato Grosso (TCE-MT), Antonio Joaquim, que coordena o GAEPE no estado. “Lugar de criança é no orçamento público. Comungo com essa convicção, a exemplo de várias autoridades quando se trata da primeira infância”, afirmou.

De acordo com o conselheiro, em reunião do gabinete realizada em junho, decidiu-se pelo levantamento de custos sobre investimentos, custeio e manutenção necessários para atender essa política pública. Essa tarefa ficou por conta de representantes da União Nacional dos Dirigentes Municipais de Educação em Mato Grosso (Undime) e da Associação Mato-grossense dos Municípios (AMM).

O trabalho teve como base levantamento realizado pelo GAEPE-MT sobre a demanda por vagas no estado. “O importante é ter um valor, ainda que estimado, para assegurar um programa estadual de apoio aos municípios para a construção de creches”, afirmou Antonio Joaquim, que também preside a Comissão Permanente de Educação e Cultura (COPEC) do TCE-MT.

A reunião será realizada a partir de 9h (horário Mato Grosso) e contará com participação presencial e online dos representantes das entidades, a exemplo da ONG Articule, idealizadora e organizadora dos vários GAEPE existentes no Brasil e do GAEPE-BR, que contam com participação da Associação dos Membros dos Tribunais de Contas do Brasil (Atricon) e do Instituto Rui Barbosa (IRB), instância de estudos e formulação de iniciativa de aperfeiçoamento dos Tribunais de Contas.