Olá! Utilizamos cookies para oferecer melhor experiência, melhorar o desempenho, analisar como você interage em nosso site e personalizar conteúdo. Ao utilizar este site, você concorda com o uso de cookies.

Bom dia, Sexta Feira 12 de Agosto de 2022

Menu

Geral

Prefeitura licita R$ 2,3 milhões em material de papelaria

Compra engloba materiais pedagógicos que serão usados por alunos e professores

Sinop | 28 de Dezembro de 2021 as 17h 46min
Fonte: Jamerson Miléski

Foto: Reprodução

A prefeitura de Sinop encerra 2021 com uma compra milionária de material de papelaria. A homologação do Pregão Presencial 103/2021 foi publicada no Diário Oficial desta terça-feira (28). A compra engloba 56 itens relacionados a materiais pedagógicos, que devem ser utilizados por alunos e professores ao longo do próximo ano letivo. Inicialmente a licitação previa a compra de 92 diferentes itens, mas alguns foram considerados desertos ou fracassados (quando não há proposta de vendedores ou as propostas não cumprem os critérios do edital).

No total a prefeitura pretende comprar com essa licitação R$ 2.329.728,48 com material de papelaria. Quatro diferentes empresas vão dividir a compra, com diferentes percentuais. A maior fatia ficou com a Original Papelaria, empresa com sede em Cuiabá, com R$ 1.783.242,04. A segunda empresa a fornecer os materiais para prefeitura de Sinop é a Dageal, da cidade de Barão do Cotegipe (RS), com R$ 453.179,01. Fecham a lista de fornecedores a Gramado Distribuidora (Cuiabá), com R$ 53.755,53 e a B.A Editora (Cianorte-PR), com R$ 39.551,90.

O que mais pesa nessa compra programada pela prefeitura de Sinop são os kits para alunos e professores. Esses pacotes agrupados de materiais como lápis, caderno, borracha, apontador e outros itens respondem por R$ 1,8 milhão. São 5,5 mil kits para os alunos do 3º ao 5º ano do ensino fundamental, 4,6 mil kits para alunos da educação infantil, 4,4 mil kits para o 1º e 2º ano do ensino fundamental e 3,4 mil kits para os pequenos de zero aos 3 anos. Além disso, serão adquiridos mil kits para os professores.

A compra é suficiente para que cada aluno e cada professor da rede municipal receba um kit. Os kits dos alunos custarão entre R$ 87 a R$ 104 cada. Já o kit dos professores custa R$ 166,97 cada.

No edital de licitação, a gestão municipal destaca que os kits pedagógicos estão atrelados à melhoria dos índices educacionais, humanização no atendimento ao público e equidade na garantia de direitos, “buscando oferecer a todas as crianças e professores recursos adequados para que todos tenham as mesmas condições de trabalho e oportunidades de aprendizagem”.

O município de Sinop tem como meta a elevação do IDEB de 6.1 para no mínimo 6.2 em 2021. Apesar de algumas escolas terem superado essa meta em 2019 com IDEB de 7.0 e 7.3, outras tiveram índices muito abaixo do esperado chegando a 5.4.

Para aumentar esses índices a equipe pedagógica avaliou que se faz necessário investir na proficiência dos alunos com diversas ações, dentre elas aprovisionar professores e alunos com Kits de Material Escolar de qualidade a toda rede municipal. A ideia é evitar que os alunos deixem de realizar atividades por falta de material pedagógico.