Olá! Utilizamos cookies para oferecer melhor experiência, melhorar o desempenho, analisar como você interage em nosso site e personalizar conteúdo. Ao utilizar este site, você concorda com o uso de cookies.

Bom dia, Sexta Feira 12 de Agosto de 2022

Menu

Geral

Parque Florestal: exuberância e riqueza natural em um só lugar

Preservação | 12 de Abril de 2022 as 18h 03min
Fonte: Roneir Corrêa - Assessoria da Prefeitura

Foto: Everton Medeiros

Com uma área total de pouco mais de 103 hectares e com localização na área urbana da cidade, o Parque Florestal é a maior reserva natural aberto à visitação em Sinop. Em 45 hectares dessa grande área, há investimentos de infraestrutura destinados ao público, como trilhas, pontos de observação em meio à natureza, ponte sobre o grande lago, campo de futebol e espaços para lazer.

Sendo uma área integrada pelas Reservas R-10, R-11 e R-12, em 2014 a unidade de conservação foi classificada, pela lei municipal 2.067, como Parque Natural Municipal. O objetivo foi preservar os ecossistemas naturais existentes nas reservas, tornando um campo vasto para pesquisas científicas e de desenvolvimento de atividades de educação ambiental, bem como de turismo ecológico.

Atualmente, o Parque Florestal, em seu ambiente destinado à visitação, conta com inúmeros exemplares de macacos, araras e demais pássaros, tracajás, peixes, jacarés, tartarugas entre outros animais considerados silvestres. A secretária de Meio Ambiente, Ivete Mallmann, esclarece que mesmo sendo um espaço que permite a presença humana, a natureza e instintos dos animais são preservados.

“É natural, em algum momento, você visitar o parque e encontrar menos espécies de animais, isso acontece porque nosso parque não é um zoológico. Mantemos a área como uma reserva natural onde os animais vivem livremente na natureza sem nenhuma espécie de adestramento. Mesma coisa acontece com a alimentação. O alimento deles é natural, tirada da própria natureza, por isso temos sempre o cuidado de a cada tempo plantar novas espécies de árvores frutíferas. Recentemente plantamos cerca de 16 mudas de ingá, que num futuro próximo servirá de alimentação para esses animais”, explica.

A Secretaria de Meio Ambiente de Sinop, reforça que ver os animais livres na natureza com seus instintos e hábitos naturais, preservados, é muito melhor que os observarem presos em gaiolas, totalmente reféns do trabalho humano. “Nos esforçamos para que a população geral consiga compreender e enxergar com outros olhos a importância das áreas verdes preservadas”.

Ivete informa ainda que há aproximadamente 8 anos, em anexo ao parque, funcionava um local de recuperação de araras encontradas por moradores com algum ferimento e até mesmo as trazidas por órgãos ambientais. Essas aves ficavam em observação até que se encontrasse em condições de serem soltas em ambientes propícios. Mas hoje não há mais esse espaço.

“Isso era antes de o parque se tornar, legalmente, uma unidade de conservação. Agora, os animais que forem encontrados com algum machucado ou capturas por órgãos ambientais são levados à Sema [Secretaria de Estado de Meio Ambiente] e tratados no Hospital Veterinário da UFMT [Universidade Federal de Mato Grosso], aqui de Sinop. Lá há um local adequado e profissionais especializados que fazem esse trabalho”, comentou ela.

O Parque Natural Municipal Florestal de Sinop funciona de terça à domingo, das 8h às 17h. O portal de entrada fica localizado na Rua das Orquídeas, no Jardim das Primaveras.