Olá! Utilizamos cookies para oferecer melhor experiência, melhorar o desempenho, analisar como você interage em nosso site e personalizar conteúdo. Ao utilizar este site, você concorda com o uso de cookies.

Boa noite, Sábado 13 de Julho de 2024

Menu

Queda

Mulher morre após cair em piscina na comemoração do próprio casamento, em Limeira (SP)

Elisangela Gazzano, de 39 anos, teria se desequilibrado e caído na piscina de uma chácara no bairro Pires de Baixo

Geral | 16 de Abril de 2024 as 07h 20min
Fonte: O Globo

Foto: Reprodução

Uma mulher de 39 anos morreu afogada após cair na piscina de uma chácara no bairro Pires de Baixo, em Limeira, no estado de São Paulo. Identificada como Elisangela Gazzano, a mulher estaria na comemoração do próprio casamento e aniversário de uma das filhas no momento do acidente, no último sábado.

Segundo o boletim de ocorrência, Elisangela estava perto da piscina, quando se desequilibrou e caiu. O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) e o Corpo de Bombeiros foram acionados após o incidente. A mulher chegou a ser levada para o Hospital Humanitária, no Jardim Nova Itália, mas não resistiu.

O caso é investigado pela Polícia Civil, e foi registrado como morte suspeita (acidental) no Plantão da Delegacia Seccional de Limeira.

Momentos antes da queda, Elisangela chegou a divulgar um registro do casamento, que aconteceu horas antes. Às 17h, ela publicou uma foto, e foi parabenizada por amigos e familiares.

Mulher morre após cair em piscina na comemoração do próprio casamento, em Limeira (SP) — Foto: Reprodução

Mulher morre após cair em piscina na comemoração do próprio casamento, em Limeira (SP) — Foto: Reprodução

“Parabéns, muitas felicidades ao casal. Mana e cunhado”, escreveu uma das irmãs de Elisangela, em comentário na publicação. “Te desejo toda felicidade do céus para tua vida. Um abraço para meu cunhado”, escreveu outra irmã.

Mulher morre após cair em piscina na comemoração do próprio casamento, em Limeira (SP) — Foto: Reprodução/Facebook

Mulher morre após cair em piscina na comemoração do próprio casamento, em Limeira (SP) — Foto: Reprodução/Facebook

Em homenagem a Elisangela, que tinha o apelido de Ba, uma amiga mencionou o sonho da mulher em se casar. "Olha como é o destino. Um sonho sendo realizado e no mesmo dia sem saber que ali seria um adeus, que ali seria sua partida", escreveu.