Olá! Utilizamos cookies para oferecer melhor experiência, melhorar o desempenho, analisar como você interage em nosso site e personalizar conteúdo. Ao utilizar este site, você concorda com o uso de cookies.

Boa noite, Sexta Feira 23 de Fevereiro de 2024

Menu

R$ 650 MILHÕES

MT lança edital para duplicação da BR-163 entre Mutum e Lucas

Além da duplicação, os trabalhos também englobam a construção de seis novos viadutos

Geral | 27 de Outubro de 2023 as 08h 07min
Fonte: Mídia News

Foto: Secom -MT

O presidente do Conselho Administrativo da Nova Rota do Oeste, Cidinho Santos, anunciou nesta quinta-feira (26), durante o podcast MT Conectado, o lançamento do edital de licitação para a duplicação de 80 quilômetros entre Nova Mutum e Lucas do Rio Verde, com investimento previsto de R$ 650 milhões, que já foi autorizado pelo governador Mauro Mendes.


O ato será na segunda-feira (30), às 16h, no Palácio Paiaguás, em Cuiabá.


Além da duplicação, entre os dois municípios, o novo trecho de obras também engloba a recuperação de oito quilômetros, construção de seis viadutos e uma ponte dupla. O trecho é um dos que mais ocorrem acidentes na rodovia.


“Com certeza será um novo marco para a população que vive no entorno desta região da BR-163. As empresas terão um período para apresentar suas propostas, vamos contratar aquela que melhor cumprir os requisitos do edital e em torno de março de 2024 vamos dar início às obras na região, após o período das chuvas”, explicou o presidente.

Cidinho Santos ressaltou durante a conversa com a secretária de Comunicação, Laice Souza, e a secretária adjunta de Jornalismo, Carol Sanford, que a Nova Rota do Oeste trabalha para entregar à população uma rodovia de extrema qualidade, do Norte ao Sul de Mato Grosso. Para isso, a empresa segue todos os padrões exigidos pelos órgãos competentes.

“A Agência Nacional de Transportes Terrestres, por exemplo, tem alguns padrões para as rodovias, como a estabilização do veículo, muito rígido. Um dos problemas que existiam antes do Governo de Mato Grosso assumir a concessão é que esses padrões da ANTT não eram cumpridos. O trabalho agora é levar um asfalto de qualidade, no padrão da ANTT, em toda a BR-163”, explicou.

O presidente do Conselho Administrativo da Nova Rota do Oeste também destacou que o modelo adotado pelo Governo de Mato Grosso se tornou referência para outros estados. Desde abril, o Governo do Estado é sócio majoritário da empresa.

“O próprio Ministério dos Transportes e Tribunal de Contas da União (TCU) fizeram uma portaria para regular o que fizemos em Mato Grosso. Já fomos para o Espírito Santo e Mato Grosso do Sul apresentar esse modelo. Onde vamos, falam que o modelo é extraordinário, mas é que é preciso ter a coragem do governador Mauro Mendes. Precisa ter um aporte grande, mas o investimento traz muitos retornos positivos, como salvar vidas a trazer mais segurança aos mato-grossenses”.