Olá! Utilizamos cookies para oferecer melhor experiência, melhorar o desempenho, analisar como você interage em nosso site e personalizar conteúdo. Ao utilizar este site, você concorda com o uso de cookies.

Boa tarde, Segunda Feira 16 de Maio de 2022

Menu

Geral

Ministério Público de MT garante nova compra de celulares

Diferente de Iphones e Galaxy Note para promotores e procuradores, nesta são A32 e A12 da Samsung para o plantão

Novos smartphones | 11 de Maio de 2022 as 09h 12min
Fonte: Julia Munhoz

Foto: Divulgação

O Ministério Público já finalizou processo licitatório para garantir a renovação de parte dos aparelhos celulares adquiridos pela instituição. Diferente da primeira compra, onde foram investidos R$ 2,2 milhões para 400 aparelhos, desta vez a “reserva de caixa” prevê R$ 224.900,00 para 170 smartphones.

No termo de referência para licitação o Ministério Público justificou a necessidade da nova compra para garantir a comunicação entre a sociedade e membros do MP. “A presente contratação visa atender à necessidade de manter em pleno funcionamento o canal de comunicação entre a sociedade os membros e servidores do Ministério Público do Estado de Mato Grosso, em especial no que se refere aos atendimentos em regime de plantão, considerando se tratar de demandas de natureza urgente e que ocorrem sem aviso prévio, mantendo o desempenho das atividades ministeriais rápido, seguro e eficiente”.

Na licitação o Ministério Público foi específico quanto aos detalhes dos aparelhos. O primeiro modelo deve ser dual chip, rede de dados 3G e 4G nos padrões autorizados pela ANATEL; processador de no mínimo 8 núcleos (Octa-core) com velocidade mínima de 2,0 GHz; memória interna mínima de 128 GB; tamanho de tela mínima de 6,4 Polegadas na diagonal com resolução mínima Full HD; câmera traseira com no mínimo 48 MegaPixels e câmera frontal com no mínimo 13 MegaPixels, conforme a especificação do MP.

Já a segunda opção de smartphone também deve ter dual chip; rede de dados 3G e 4G nos padrões autorizados pela ANATEL; processador de no mínimo 8 núcleos (Octa-core) com velocidade mínima de 1,8 GHz; memória interna mínima de 64 GB; tamanho de tela mínima de 6,5 Polegadas na diagonal com resolução mínima HD+; tela com touchscreen capacitivo e multitouch; câmera traseira com no mínimo 48 MegaPixels e câmera frontal com no mínimo 8 MegaPixels.

A empresa vencedora do primeiro lote foi a Via Comercio e Representação de Informática EIRELI e deverá fornecer 100 aparelhos Samsung Galaxy A32 por R$ 158.400,00 total, sendo o valor unitário R$ 1.584,00 cada.

A segunda vencedora da licitação foi a empresa Rosangela Ignacio de Oliveira Ltda, que deverá fornecer 70 celulares do modelo Samsung A12, por R$ 950,00 cada e o total de R$ 66.500,00.

 

Ministério Público faz compra de celulares

Essa não é a primeira compra de celulares realizada pelo Ministério Público de Mato Grosso. Em 2020, foi feita a compra de 400 celulares com tecnologia de ponta avaliados em R$ 2,2 milhões para promotores e procuradores de Justiça do órgão.

A aquisição dos aparelhos foi feita por licitação e prevê a compra de celulares de última geração, como Iphone 11, Galaxy Note 20 e Galaxy S10. Somente do primeiro modelo, foram compradas 201 unidades.

Na época, o Ministério Público de Mato Grosso esclareceu que os notebooks que estão em uso pelos membros do MP perderam a garantia, já que os contratos firmados anos atrás para sua aquisição se esgotaram.

O órgão argumentou ainda que foram feitos estudos que apontaram que a melhor alternativa seria a troca por aparelhos celulares de tecnologia de ponta, por diversas razões.