Olá! Utilizamos cookies para oferecer melhor experiência, melhorar o desempenho, analisar como você interage em nosso site e personalizar conteúdo. Ao utilizar este site, você concorda com o uso de cookies.

Bom dia, Sexta Feira 01 de Março de 2024

Menu

Abril azul

Mês de conscientização do Autismo terá caminhada e ações educativas nas escolas municipais

A campanha deste ano tem como slogan: "Deficiência oculta: AUTISMO NÃO TEM CARA'

Geral | 31 de Março de 2023 as 10h 39min
Fonte: Daiane Stela - Assecom

Foto: Assessoria

Neste domingo, dia 2 de abril, é o Dia Mundial de Conscientização do Autismo. Como forma de celebrar a data, a Associação de Pais e Amigos dos Autistas (AMA), em parceria com a Prefeitura de Sinop, deu o pontapé inicial no cronograma de atividades, com a abertura do “Abril Azul”. A solenidade, realizada na noite de ontem (30), na Câmara de vereadores, contou com a participação do prefeito Roberto Dorner, autoridades, representantes de classe e população em geral.

A campanha deste ano tem como slogan: "Deficiência oculta: AUTISMO NÃO TEM CARA. É necessário conhecer para incluir!” A temática será abordada nas escolas da rede pública de ensino do município. Neste domingo (02), terá a “II Caminhada Azul”, às 8h, com partida do Ginásio José Carlos Pasa, e entre os dias 03 a 27 de abril, serão realizadas palestras orientativas nas escolas municipais. 

O prefeito de Sinop, Roberto Dorner, destacou o trabalho da associação e disse que a AMA pode contar com o apoio da Prefeitura. “Nós abraçamos essa causa e entendemos a importância da compreensão do autismo para população, para que elas se sintam incluídas, por isso, me sinto honrado em fazer parte dessa rede de apoio em nosso município.", declarou o gestor.

A secretária de Assistência Social, Trabalho e Habitação, Sheila Pedroso, parabenizou a AMA pelos trabalhos desenvolvidos. “A Assistência Social tem trabalhado em conjunto com as demais secretarias para fortalecer toda a rede, e atender da melhor forma possível a demanda do autismo no município”, enfatizou. 

Para a presidente da AMA, Josilene Moraes, a data é importante para estimular o debate e as informações sobre o espectro. “Que possamos implementar políticas públicas cada vez mais voltadas para os autistas, tanto na área da educação, quanto na saúde e assistência social. Que a gente possa dar visibilidade para causa no sentido de que a sociedade esteja cada vez mais preparada para ser inclusiva, porque a pessoa com espectro autista, ela é uma pessoa diferente, que vai pensar diferente, que vai ter comportamento diferente, então nós temos que estar preparados para incluir essas pessoas”, explicou Josilene.

A secretária de Saúde, Daniela Galhardo, acredita que essa parceria é fundamental para atender mais e melhor os autistas da cidade. “É um evento extremamente importante e desde o ano passado a secretaria de saúde vem apoiando a Associação de Pais e Amigos dos Autistas, contamos com atendimentos no ambulatório infanto-juvenil e ofertamos também atendimento no nosso CAPS Infantil, que foi inaugurado ano passado”, pontuou. 

O transtorno do espectro autista (TEA) é um distúrbio do neurodesenvolvimento caracterizado por desenvolvimento atípico, manifestações comportamentais, déficits na comunicação e na interação social. Tão logo os sinais percebidos e diagnóstico confirmado, o tratamento adequado deve ser iniciado. O município conta com o CAPSi para atender essas demandas.

O Centro de Atenção Psicossocial Infantojuvenil (CAPSi) Novo Amanhecer, possui equipe multidisciplinar, formada por psiquiatra com RQE, médico clínico geral, enfermeiros, psicólogos, psicopedagogo, educador físico, terapeuta e técnicos de enfermagem para atender crianças e adolescentes até 18 anos. O atendimento é em formato livre demanda, ou seja, sem necessidade de agendamento, com funcionamento das 07h às 19h, de segunda a sexta-feira, localizado na rua A-1, no setor Residencial Norte.