Olá! Utilizamos cookies para oferecer melhor experiência, melhorar o desempenho, analisar como você interage em nosso site e personalizar conteúdo. Ao utilizar este site, você concorda com o uso de cookies.

Boa tarde, Terça Feira 16 de Abril de 2024

Menu

Economia

Gastos com transportes devem aumentar em fevereiro com aumento do ICMS sobre gasolina

A medida vale a partir de 1º de fevereiro, de acordo com as informações do jornal A Gazeta

Geral | 31 de Janeiro de 2024 as 07h 00min
Fonte: O documento

Foto: Divulgação

Os gastos com transporte vão ficar mais pesados para o bolso do consumidor devido à volta do Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS) incidente sobre a gasolina. O aumento de 12,5% se deu após decisão do Conselho Nacional de Política Fazendária (Confaz) de alterar a alíquota fixa dos impostos do combustível fóssil de R$ 1,22 para R$ 1,37. A medida vale a partir de 1º de fevereiro, de acordo com as informações do jornal A Gazeta.

O reajuste também provocou aumento de R$ 0,35 no valor do diesel com a volta de tributos federais. A alta nos preços dos combustíveis traz consequências que vão muito além do tanque dos veículos.

“Isso reflete no preço das passagens, nas corridas de transporte por aplicativo e no valor do frete para entrega de produtos, sem falar que quase sempre o valor impacta também outros setores da economia. Por consequência, pode resultar em um consumidor desestimulado a comprar”, disse o presidente do Sindicato do Comércio Varejista de Derivados de Petróleo de Mato Grosso (SindiPetroleo-MT), Claudyson Martins Alves.

A escalada ainda afeta o gás liquefeito de petróleo (GLP), o popular gás de cozinha, que também tem o seu preço atrelado ao da gasolina, e deve elevar o preço do etanol. Isso porque o álcool se mantém no limite da margem de rentabilidade para ser mais vantajoso e competitivo ante o derivado do petróleo.