Olá! Utilizamos cookies para oferecer melhor experiência, melhorar o desempenho, analisar como você interage em nosso site e personalizar conteúdo. Ao utilizar este site, você concorda com o uso de cookies.

Boa noite, Terça Feira 16 de Abril de 2024

Menu

Alta

Exportações de carne suína aumentam 24,4% e MT é o quarto maior em embarques

Projeções apontam para um crescimento entre 3 e 4%, em comparação com o ano passado

Geral | 11 de Março de 2024 as 08h 09min
Fonte: O documento

Foto: Divulgação

As exportações de carne suína apresentaram uma alta de 24,4% em fevereiro de 2024 na comparação com 2023 com o embarque de 97,8 mil toneladas.  No acumulado do bimestre, as exportações alcançaram a marca de 197,5 mil toneladas, registrando um crescimento de 17,6% em comparação com o mesmo período de 2023. Em termos de receita, foram obtidos US$ 404,8 milhões, um aumento de 1,9% em relação aos US$ 397,7 milhões do ano anterior. Os dados são da Associação Brasileira de Proteína Animal (ABPA).

Mato Grosso consta como o quarto maior exportador de carne suína, atrás do Paraná, Rio Grande do Sul e Santa Catarina, o maior estado com embarques de carne suína do Brasil, registrando um aumento de 18,2% no volume embarcado no primeiro bimestre.

A Associação Brasileira dos Criadores de Suínos (ABCS) acredita que a produção nacional de suínos deve retomar uma expansão saudável em 2024. Projeções apontam para um crescimento entre 3 e 4%, em comparação com o ano passado.

Já as exportações indicam uma expectativa de aumento ainda mais expressiva, de até 5%, impulsionada pela crescente confiança dos mercados globais na segurança e excelência dos produtos suínos brasileiros.

Como um dos maiores produtores e exportadores de carne suína do mundo, o Brasil continua a desempenhar um papel significativo no cenário global, influenciando tanto o abastecimento interno quanto as tendências do mercado internacional.

A China continua a ser o principal destino das exportações, mesmo com uma redução de 32% em relação ao ano anterior. Outros países que se destacam no ranking são as Filipinas, Chile, Hong Kong e Singapura, sinalizando uma maior diversificação nos destinos.