Olá! Utilizamos cookies para oferecer melhor experiência, melhorar o desempenho, analisar como você interage em nosso site e personalizar conteúdo. Ao utilizar este site, você concorda com o uso de cookies.

Bom dia, Sábado 09 de Dezembro de 2023

Menu

Segurança nas escolas

Educação comunica gestores escolares e inicia aplicação de protocolo de segurança nas unidades

O próximo passo que nós vamos tomar é cada instituição criar o seu protocolo individual

Geral | 11 de Abril de 2023 as 13h 46min
Fonte: Vanessa Kienen - Assecom

Foto: Assecom

A Secretaria de Educação, Esporte e Cultura, apresentou, na manhã de hoje (11), aos gestores da rede municipal, um protocolo de segurança, que foi criado na reunião realizada na última semana, em conjunto com as forças de Segurança Pública, com representantes de todos os órgãos envolvidos na rede proteção das crianças e adolescentes. A medida emergencial se mostrou ainda mais necessária, após os ataques ocorridos em Blumenau/SC, no último dia 07 de Abril.

A Secretária de Educação, Esporte e Cultura, Sandra Donato, destacou que algumas medidas já serão colocadas em prática na rede municipal. “A reunião com os diretores é para dar devolutiva. O próximo passo que nós vamos tomar é cada instituição criar o seu protocolo individual. A secretaria está fazendo parceria com a Polícia Militar e vamos trabalhar com palestras preventivas dentro das unidades para os pais e os funcionários, além de formação para os nossos guardas. A nossa equipe de psicólogos montou um plano de ação e vão trabalhar dentro das unidades com a questão emocional”. Atualmente a Prefeitura tem parceria com a Polícia Militar que realiza a ronda escolar em todas as unidades, conforme é demandada. 

Para compor o protocolo, foram definidas algumas etapas: 

1- Criação do protocolo de segurança, com informações de quando chamar e como acionar a rede de apoio e forças de segurança no caso de ocorrências nas instituições. Essa etapa já foi concluída, compilada e encaminhada às unidades. 

2- Criação do protocolo individual de cada instituição, que será enviado para o órgão responsável e Ministério Público. Etapa em confecção pelas unidades.

3- Como Estado, Município e Instituições privadas vão se adequar, oferecendo mais mecanismos de segurança. (Instalação de câmeras de segurança nas escolas, portão eletrônico, entre outros.) As unidades escolares municipais de Sinop já possuem monitoramento. 

O encontro para criação do protocolo contou com a participação da Secretaria Municipal de Educação, Ministério Público, Polícia Civil, Polícia Militar, Conselho Tutelar, Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente, Assistência Social, Bombeiros e Secretaria de Trânsito.