Olá! Utilizamos cookies para oferecer melhor experiência, melhorar o desempenho, analisar como você interage em nosso site e personalizar conteúdo. Ao utilizar este site, você concorda com o uso de cookies.

Boa noite, Sábado 13 de Julho de 2024

Menu

Fernando Sales Assessoria OAB

Contrato para construção do novo Fórum de Sinop é assinado e obras devem começar em breve

Advocacia da 6ª Subseção comemora conquista

Geral | 28 de Maio de 2024 as 21h 00min
Fonte: Fernando Sales

Foto: Divulgação

O Poder Judiciário de Mato Grosso, por meio da Coordenadoria de Infraestrutura (Departamento de Obras) emitiu, hoje (28), o Ordem de Serviço para a construção do novo Fórum da Comarca de Sinop, com a contratação no valor de R$ 47.890.000,00, a ser executado pela empresa Directa Engenharia & Projetos LTDA. Com o contrato já assinado, a empresa tem agora até 30 dias para o início das obras.

O Diretor do Foro da Comarca de Sinop, Dr. Cleber Luis Zeferino de Paula, comentou sobre a importância do início das obras. "A construção do novo fórum é um passo crucial para melhorar a infraestrutura judiciária em Sinop. Com este novo espaço, esperamos oferecer um ambiente mais adequado e eficiente para o trabalho dos profissionais da justiça e um atendimento mais acessível e célere para a população”.

A presidente da OAB Sinop, Xênia Guerra, ressaltou a importância dessa conquista para a cidade e advocacia. “Parabenizamos todos os envolvidos, especialmente todos os magistrados da Comarca de Sinop, a OAB Sinop, Unesin, JMD, Executivo, Legislativo. Mais uma conquista para nossa sociedade, em especial, para nossa advocacia, que há tempos vem trabalhando de forma direta para que essa necessidade urgente de um novo fórum para nossa comarca se concretize. Mais uma vez, Sinop dá exemplo de união de todos em prol de um objetivo maior e o resultado está aí, que é um benefício revertido para toda a sociedade sinopense".

A construção do novo fórum é uma resposta à demanda crescente por um espaço adequado para a administração da justiça na região. Com um novo prédio, espera-se melhorar significativamente as condições de trabalho para os profissionais da justiça e proporcionar um atendimento mais eficiente e acessível à população.

Conforme edital lançado em fevereiro deste ano, o novo projeto contempla uma área construída de 10.718 metros quadrados. A nova sede do judiciário será erguida em um terreno com 40 mil metros quadrados, localizado na Avenida Dr. Clóvis de Mello, Lote 01-03, Quadra 24 do Residencial Aquarela das Artes. A área foi doada pela JMD Empreendimento Imobiliários, empresa que implantou o residencial e articulou a instalação do fórum na localidade.

O prazo de execução é de 900 dias corridos, ou seja, dois anos e meio.