Olá! Utilizamos cookies para oferecer melhor experiência, melhorar o desempenho, analisar como você interage em nosso site e personalizar conteúdo. Ao utilizar este site, você concorda com o uso de cookies.

Boa tarde, Segunda Feira 27 de Junho de 2022

Menu

Geral

Chapa de oposição vai à OAB questionar obras da nova sede

Advogados foram em busca de uma prestação de contas

Sinop | 09 de Novembro de 2021 as 16h 12min
Fonte: Jamerson Miléski

Foto: GC Notícias

Uma comitiva de advogados que integram a chapa de oposição nas eleições da OAB (Ordem dos Advogados do Brasil), em Sinop, foi até a sede da entidade na tarde desta terça-feira (9). O grupo encabeçado pelo candidato a presidente, Carlos Melgar e sua vice, Andreia Britez fez uma visita oficial, previamente agendada, com o objetivo de averiguar os processos de construção da nova sede da Ordem no município. “O lema de nossa chapa é renovação e transparência. Viemos atrás de transparência. O que pedimos foi uma prestação de contas referente a obra da nova sede”, declarou Melgar.

A expectativa do candidato não foi exatamente correspondida. A reunião que iniciou por volta das 14h e teve pouco menos de uma hora de duração não gerou respostas muito concretas. Os membros da chapa não saíram da conversa carregando as cifras de quanto já foi gasto ou quanto será investido no total na construção do novo prédio. “Nos disseram que a gestão financeira é toda da seccional da OAB [que é a representação em nível estadual] e do Conselho Federal e que a prestação de contas está em uma parte do site da OAB. Disseram que vão nos encaminhar o link”, ponderou Melgar, informando que abrirá essa informação caso receba.

A nova sede da OAB Sinop está sendo construída no Residencial Aquarela das Artes, próxima do imóvel que foi doado para abrigar um novo fórum da comarca. A pedra fundamental dessa sede foi lançada em agosto de 2018, às vésperas do início do processo eleitoral da OAB Sinop. Neste ano, já dentro do processo eleitoral, a obra foi de fato iniciada. A chapa questionou essa casualidade. “Nos responderam que só agora todos os trâmites foram concluídos”, comentou Melgar.

Para pagar a sua nova casa, a Ordem dará sua sede atual como pagamento. O prédio que abriga a OAB hoje foi inaugurado em 1998, erguido sobre um terreno doado pela Colonizadora Sinop. Em 2018, a Colonizadora liberou a OAB da cláusula de reversão, autorizando a entidade a vender o imóvel. No mesmo ano a Ordem ganhou um terreno no Aquarela das Artes. Cinco anos antes, a OAB recebeu um terreno da prefeitura de Sinop, próximo da sede da Justiça Federal e da UFMT. Essa doação acabou sendo anulada. Segundo Melgar, uma das respostas que a chapa recebeu é de que o atual prédio da OAB foi avaliado em R$ 1,4 milhão. Esse valor vai bancar uma parte da nova sede – mas não foi informado quanto vai custar a casa nova.