Olá! Utilizamos cookies para oferecer melhor experiência, melhorar o desempenho, analisar como você interage em nosso site e personalizar conteúdo. Ao utilizar este site, você concorda com o uso de cookies.

Bom dia, Segunda Feira 20 de Setembro de 2021

Geral

Câmeras de segurança registram meteoro cruzando o céu de Mato Grosso

Fenômeno foi visto em Cuiabá e outras três cidades de MT

Estrela cadente | 24 de Março de 2021 as 09h 09min
Fonte: Franciele Vieira com Clima ao Vivo

Clima ao Vivo

Câmeras de segurança localizadas em três cidades de Mato Grosso, e na Capital, Cuiabá, registraram na noite de terça-feira (16), a queda de um meteoro. De acordo com o site Clima ao Vivo, o fenômeno natural foi registrado Alta Floresta, Pontes e Lacerda e São José dos Quatro Marcos.

O que é um meteoro?

Confira uma breve explicação do Marcelo Zurita da Bramon: "Asteroides, meteoroides e cometas orbitam o Sol em uma velocidade altíssima, algo entre 40 mil e 266 mil quilômetros por hora. Quando atingem a atmosfera da Terra nessa velocidade, mesmo fragmentos tão pequenos quanto um grão de areia é capaz de aquecer instantaneamente os gases atmosféricos, gerando um fenômeno luminoso chamado de meteoro. Então, o meteoro é apenas o fenômeno luminoso, nada mais. Meteoro não é sólido, não é líquido e nem gasoso, é apenas luz. Popularmente, o meteoro é também chamado de estrela cadente."

De maneira geral, quanto maior o objeto, mais luminoso será o meteoro. E quando sua luminosidade supera o brilho de Vênus, o meteoro é comumente chamado de ‘fireball’ ou bola de fogo. Algumas vezes, dependendo também da velocidade e do ângulo de entrada, o meteoroide ou asteroide é grande o suficiente para atingir as camadas mais densas da atmosfera. Nesses casos, além de formar uma bola de fogo mais espetacular, o meteoro geralmente termina com um evento explosivo. Esse tipo de meteoro também é chamado de bólido, e popularmente, também é associado ao “sinal dos tempos”, “Jesus voltando” e outras profecias apocalípticas.