Olá! Utilizamos cookies para oferecer melhor experiência, melhorar o desempenho, analisar como você interage em nosso site e personalizar conteúdo. Ao utilizar este site, você concorda com o uso de cookies.

Boa noite, Quarta Feira 17 de Julho de 2024

Menu

Obras

Asfalto chega aos moradores da Chácara de Lazer São Cristóvão II

Além do asfalto que está se tornando realidade, a Prefeitura também ampliou a oferta de iluminação pública no bairro

Geral | 09 de Abril de 2024 as 10h 27min
Fonte: Mylene Dias - Assecom

Foto: Divulgação

A pavimentação asfáltica na Chácara de Lazer São Cristóvão II começou nesta semana e é uma obra que vai transformar a realidade de centenas de famílias moradoras do bairro, que por muitos anos enfrentaram dificuldades para transitar nos períodos chuvosos e também na época da seca, devido à poeira. Estão sendo asfaltadas as ruas Arara azul, Onça Pintada e Estrada Alzira. 

Com a pavimentação desses trechos, os moradores terão mais tranquilidade e segurança para transitar pelas ruas do bairro. “Aqui era pura poça de água quando eu mudei. Eu acho que depois disso não vai faltar mais nada, não vai ser aquele poeirão danado e aquela buraqueira. Nós estávamos pensando que ia demorar muito e nem demorou muito e começaram a mexer, é bom demais para gente”, considerou seu Flávio Aparecido de Souza, morador. 

Além do asfalto que está se tornando realidade, a Prefeitura Municipal também ampliou a oferta de iluminação pública no bairro e entregou, aos moradores, os documentos que garantem a propriedade definitiva de seus imóveis, pelo programa de Regularização Fundiária de Interesse Social (REURB), chamado “Escritura na Mão”.


Cada uma dessas melhorias representa para os moradores um passo a mais rumo à valorização das propriedades e segurança jurídica para as famílias. “Muitos anos esperando, a gente passou por várias limitações aqui. Agora vai valorizar bastante a questão dos terrenos, agora minha chácara vai valer muito mais. Quando chovia não tinha nem como transitar, estava ruim demais por causa da chuva, da poeira. Vamos andar todos no asfalto agora, vai ser mais tranquilo, ficou bom demais”, relatou o morador e metalúrgico, Célio Roberto da Silva Ferreira.