Olá! Utilizamos cookies para oferecer melhor experiência, melhorar o desempenho, analisar como você interage em nosso site e personalizar conteúdo. Ao utilizar este site, você concorda com o uso de cookies.

Bom dia, Sexta Feira 01 de Julho de 2022

Menu

Geral

Apresentador do Balanço Geral de Sinop comemora retorno aos rodeios após dois anos de pandemia

Anderson de Oliveira já pisou nos principais palcos do país e comemora 10 anos de atuação como locutor

Rodeio | 01 de Maio de 2022 as 14h 26min
Fonte: MT Notícias

Foto: Reprodução / Country Mix

No período de festivais de rodeio, Anderson de Oliveira, apresentador do Balança Geral da Real TV, afiliada a Record TV em Sinop, troca o terno e a gravata pela bota e o chapéu para atuar como locutor. Em 2022, o retorno aos poucos tem um significado mais forte devido a pausa nos eventos forçada pelos dois anos de pandemia da Covid-19 e também por marcar os 10 de carreira de Anderson no circuito profissional de rodeios.

“É como ter virado a página, escrevendo um novo capítulo do mesmo livro. O desafio é saber o que mudou na cabeça das pessoas depois de tudo isso. Será que devo conduzir da mesma forma? Ou preciso mudar. O primeiro mostrou que a galera está mais sensível, mais interativa. E ao mesmo tempo ansiosa por retomar o presencial”, disse o locutor ao MT Notícias após o VII Country Mix, realizado nesse sábado (30.04), em Campo Verde.

O start para essa trajetória se dá em sua adolescência, aos 11 anos, quando foi acompanhar seu tio que fotografava os rodeios. Não demorou muito para Anderson ser descoberto e receber o convite para narrar a edição mirim da competição.

Anos depois foi conectado com Beto Maia, Eduardo Arcas e Juliana Arcas que organizam festas conhecidas nacionalmente. Anderson saiu do amadorismo e começou a pisar nos principais palcos do segmento, como Barretos, em 2013, quando foi selecionado para representar o país em um circuito internacional.

“Ao longo da temporada, Barretos sem dúvida foi um evento marcante. Mas, cada cidade tem a sua peculiaridade e isso me fascina, e faz com que cada evento seja único, glamuroso e importante pra minha carreira! Trato todos como o melhor da minha temporada, lembrando que cada organização dá o melhor dela pra oferecer ao público um evento a contento da expectativa da população, por isso valorizo cada um”, falou Anderson.

Atencioso aos detalhes, ele trata cada momento da cerimônia como único: da abertura a oração, até o momento de entrega dos prêmios.

“Temos vários momentos: o cerimonial de abertura que reúne os organizadores, patrocinadores, poder público; nesse momento procuro valorizar cada um, mostrando a importância deles para realização do evento. Depois temos a oração, hora de chamar a galera pra reflexão e mostrar que, apesar da festa, precisamos agradecer ao Papai do céu pela oportunidade de estar ali. E nas montarias informar o potencial de cada atleta, cada touro, o investimento de cada tropeiro e sobretudo o cuidado com a integridade da peão e os animais. Enfim, informar, de forma completa, o cada pessoa que comprou o ingresso está assistindo”.