Olá! Utilizamos cookies para oferecer melhor experiência, melhorar o desempenho, analisar como você interage em nosso site e personalizar conteúdo. Ao utilizar este site, você concorda com o uso de cookies.

Bom dia, Sábado 02 de Julho de 2022

Menu

Geral

Após decolagem, avião da Azul tem problema e voo retorna para VG

Passageiros seguiam para Chapecó, em Santa Catarina; companhia diz que decisão foi por segurança

Problemas técnicos | 27 de Dezembro de 2021 as 13h 18min
Fonte: Mídia News

Foto: Mídia News/Arquivo/Ilustrativa

Um voo da Azul Linhas Aéreas que saiu de Várzea Grande, no domingo (26), precisou retornar ao Aeroporto Marechal Rondon após a aeronave apresentar problemas.

O voo tinha como destino a cidade de Chapecó, em Santa Catarina, e deveria chegar ainda na noite de ontem. No entanto, quando o avião já estava no ar o piloto detectou algo diferente na aeronave e avisou a torre que havia decidido voltar ao aeroporto.

A Azul informou à reportagem que foi comprovado um problema relacionado às questões técnicas da aeronave, porém não entrou em detalhe do que houve de errado.

A companhia ainda destacou que prestou toda a assistência necessária a seus clientes, conforme previsto na resolução da Anac (Agência Nacional de Aviação Civil).

Todos foram realocados em um voo reforço que decola ainda nesta segunda-feira (27) em Várzea Grande.

“A Azul lamenta eventuais aborrecimentos causados e reforça que medidas como essas são necessárias para garantir a segurança de suas operações”, diz trecho da nota.

Veja nota na íntegra:

São Paulo, 27 de dezembro de 2021 – A Azul esclarece que, por questões técnicas, o voo AD9245 (Cuiabá-Chapecó) precisou retornar ao aeroporto de origem na noite de ontem (26). A companhia ressalta que prestou toda a assistência necessária a seus Clientes, conforme previsto na resolução 400 da Anac, e os reacomodou em um voo reforço que decola ainda hoje da capital de Mato Grosso. A Azul lamenta eventuais aborrecimentos causados e reforça que medidas como essas são necessárias para garantir a segurança de suas operações.