Olá! Utilizamos cookies para oferecer melhor experiência, melhorar o desempenho, analisar como você interage em nosso site e personalizar conteúdo. Ao utilizar este site, você concorda com o uso de cookies.

Bom dia, Quarta Feira 17 de Abril de 2024

Menu

Segundo relatório

Seis municípios de MT apresentam aumento acima 70% no PIB

Atividade agrícolas foram o fator principal para o crescimento econômico

Economia | 25 de Janeiro de 2024 as 07h 00min
Fonte: Redação G1-MT

Foto: Indea-MT

Seis municípios de Mato Grosso tiveram um aumento de mais de 70%, entre 2020 e 2021, no Produto Interno Bruto (PIB), conforme o relatório técnico elaborado pela Secretaria Estadual de Planejamento e Gestão (Seplag), em parceria com o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), que foi divulgado nessa segunda-feira (22).

Conforme o levantamento, os municípios tiveram as atividades econômicas agrícolas como principal fator responsável por esse crescimento.

 

Confira os municípios que tiveram esse aumento:

  • Santa Cruz do Xingu - 93,30%

  • Sapezal - 86,68%

  • Porto Alegre do Norte - 76,02%

  • Campos de Júlio - 72,51%

  • Diamantino - 71,14%

  • Santo Antônio de Leverger - 70,72%

 

“Somos o estado que mais gera empregos no Brasil e que mais cresce proporcionalmente à indústria e, mais uma vez, fica caracterizada a vocação de Mato Grosso como líder nacional do agronegócio”, disse o secretário de Desenvolvimento Econômico, César Miranda.

O PIB é a soma de todos os bens e serviços produzidos no país e é o principal indicador usado para medir a evolução da economia.

O relatório também aponta quais são os seis municípios do estado que obtiveram um maior crescimento econômico em valores. (Confira abaixo)

 

Municípios com maior crescimento econômico:

  • Rondonópolis - R$ 4,44 bilhões

  • Sorriso - R$ 3,40 bilhões;

  • Sapezal - R$ 3,24 bilhões;

  • Cuiabá - R$ 3,19 bilhões,

  • Diamantino - R$, 2,38 bilhões e

  • Campo Novo do Parecis - R$ 2,38 bilhões