Olá! Utilizamos cookies para oferecer melhor experiência, melhorar o desempenho, analisar como você interage em nosso site e personalizar conteúdo. Ao utilizar este site, você concorda com o uso de cookies.

Boa noite, Terça Feira 16 de Abril de 2024

Menu

IR2024

Quase metade das declarações entregues até agora foram pré-preenchidas

Receita bateu recorde de declarações entregues no primeiro dia, com mais de 1 milhão de documentos enviados

Economia | 16 de Março de 2024 as 23h 19min
Fonte: Daniel Cristóvão - ValorInveste.com

Foto: gov.br

A declaração do Imposto de Renda 2024 começou na sexta-feira (15) e vai até 31 de maio e o número de declarações entregues à Receita Federal no primeiro dia já bateu recorde. Um dado chama a atenção: 46% das declarações enviadas foram pré-preenchidas.

O contribuinte pode optar pela declaração pré-preenchida em todas as plataformas oferecidas para fazer e enviar a declaração: on-line no portal e-CAC; pelo programa do IRPF 2024 no computador (clique aqui para baixar), e pelo celular ou tablet com o novo aplicativo Meu Imposto de Renda (clique aqui para baixar).

Na apresentação das regras do Imposto de Renda 2024, a fisco disse que já esperava um número recorde de declarações com este recurso - quase metade delas - e, desde o início do prazo de entrega, a expectativa se confirma.

Mário Dehon, subsecretário de Arrecadação, Cadastros e Atendimento da Receita Federal lembrou que de 2022 para 2023 o número de pessoas que escolheu fazer a declaração pré-preenchida mais que triplicou, foi de 7% para 24%.

Desde o ano passado, a Receita incentiva o uso da declaração pré-preenchida incluindo quem escolhe o método de declaração no grupo prioritário no recebimento da restituição - assim como quem pede a restituição via Pix.

O motivo é simples, segundo a Receita: a declaração pré-preenchida reduz "significativamente" as chances de erros e o risco do contribuinte cair na malha fina, além de agilizar o processo de declaração.

 

Percentual das declarações pré-preenchidas entregues à Receita Federal desde 2021

  • IRPF 2021 - 1% das declarações foram pré-preenchidas
  • IRPF 2022 - 7% das declarações foram pré-preenchidas
  • IRPF 2023 - 24% das declarações foram pré-preenchidas
  • IRPF 2024 - 46% das declarações entregues até o momento foram pré-preenchidas

 

Placar ao vivo do IRPF 2024

Na página do Imposto de Renda, da Receita Federal, é possível acompanhar uma espécie de placar ao vivo das declarações entregues no exercício deste ano. E até às 23h, deste sábado (16), foram entregues 2.044.643 (2,04 milhões) declarações.

Os dados não são atualizados a cada minuto e as parciais demoram algumas horas. O sistema mostra também quantos fizeram a declaração on-line, quantos mandaram o documento via programa do IRPF 2024 e quantos escolheram fazer o ajuste de contas pelo celular.

Há também dados de quantas declarações foram entregues por mulheres e qual a média de idade dos contribuintes que mandaram o documento. Das declarações entregues, é possível saber também quantas têm imposto a restituir, a pagar e quem vai ficar no zero a zero.

A Receita Federal espera receber entre 43 milhões de declarações dentro do prazo estipulado. Segundo a instituição, o uso da declaração pré-preenchida pode ser feita por 75% dos contribuintes.

 

Como fazer a declaração pré-preenchida?

Para poder fazer a declaração pré-preenchida, o contribuinte deve ter uma conta Gov.br (clique aqui para acessar) de nível prata ou ouro.

Na declaração pré-preenchida, o sistema da Receita traz automaticamente diversas informações que antes precisavam ser digitadas uma a uma pelo declarante. São informações relativas a rendimentos, deduções, bens e direitos e dívidas e ônus reais e que são alimentadas diretamente no programa do Imposto de Renda 2023 (PGD IRPF 2024).

O contribuinte fica responsável por verificar todos os dados pré-preenchidos na declaração e deve realizar as alterações, inclusões e exclusões das informações, se for o caso.

 

Conta Gov.br: o que é e como ter nível prata ou ouro?

A conta Gov.br é uma identificação que pode ser criada por todo cidadão, sem custos, e que permite a ele ter acesso a diversos serviços públicos digitais - veja clicando aqui como criar a sua e como acessar.

O primeiro nível de autenticação liberado pelo sistema é o bronze. Para conseguir aumentar o nível para prata ou ouro, será necessário fazer o reconhecimento facial pelo celular ou tablet ou acessar o Gov.br com validação de dados bancários de um dos bancos credenciados.

Saiba mais sobre os níveis da conta Gov.br e como mudar clicando aqui

 

Veja passo a passo de como fazer a declaração pré-preenchida do IRPF 2024

Pelo programa de computador

  • Abra o programa;
  • Entre com sua conta gov.br;
  • Clique na aba "Nova",
  • e "Iniciar declaração a partir da pré-preenchida".

Pelo preenchimento online

  • Acesse o e-CAC com sua conta gov.br;
  • Clique em "Declarações e Demonstrativos";
  • E "Meu Imposto de Renda";
  • Clique em "Preencher declaração online" e no ano;
  • Clique em "Iniciar Declaração",
  • e Escolha a opção "Pré-Preenchida".

Pelo celular ou tablet

  • Acesse o app e entre com sua conta gov.br;
  • Toque sobre o cartão com o ano da sua declaração;
  • Toque em "Iniciar Declaração",
  • e Escolha a opção "Pré-Preenchida".

Quem optar pela declaração inicia com diversos informações que são importadas da base de dados da Receita Federal. As informações de rendimentos, deduções, bens, direitos, dívidas e ônus reais são importadas da declaração do ano anterior, do carnê-leão e das declarações de terceiros, como fontes pagadoras, imobiliárias ou serviços médicos, por exemplo.

Exemplos de fontes de informações para a declaração pré-preenchida:

  • empregadores (fontes pagadoras), que enviam a Declaração do Imposto sobre a Renda Retido na Fonte (Dirf);
  • imobiliárias, que enviam a Declaração de Informações sobre atividades Imobiliárias (Dimob);
  • prestadoras de serviços de saúde, que enviam a Declaração de Serviços Médicos (DMED),
  • e outros prestadores de serviço, que apuram o Carnê-Leão

Bom dizer que o sistema só vai importar os dados se as fontes enviarem as informações. Algumas divergências ou ausências de informação podem acontecer se as fontes não entregaram a declaração ou precisaram corrigi-las por algum motivo. Por isso, nos primeiros dias de entrega é possível que nem todos os campos sejam pré-preenchidos.

 

Informações de dependentes

Desde 2021, também é possível obter as informações pré-preenchidas dos dependentes. Para isso, o dependente deve passar uma procuração digital para o titular da declaração antes de baixar as informações.

 

Calendário de Restituição do Imposto de Renda 2024

  • 1º lote de restituição - 31 de maio
  • 2º lote de restituição - 28 de junho
  • 3º lote de restituição - 31 de julho
  • 4º lote de restituição - 30 de agosto
  • 5º lote de restituição - 30 de setembro