Boa noite, Domingo 20 de Setembro de 2020

Notícias dos Poderes

Pré-candidato desmente vereador

| 07 de Agosto de 2020 as 17h 36min

No dia 27 de julho, o único representante do Patriotas na Câmara de Sinop, Leonador Visera, afirmou que o partido havia desistido da candidatura própria à prefeito. Com isso o pré-candidato da sigla, Dalton Martini, passaria apoiar a candidatura do ex-deputado federal Roberto Dorner (PRB). O anúncio feito por Visera colocava dois figurões da política local no mesmo palanque – criando o primeiro cenário de favoritismo do pleito local.

Mas hoje, sexta-feira (7), Dalton Martini falou à imprensa. O GC Notícias havia procurado o pré-candidato na semana anterior para checar a declaração dada por Visera, mas Dalton não respondeu. Na entrevista concedida à outro site de notícias, Dalton reafirmou sua pré-candidatura para prefeito pelo Patriota. Segundo ele, a decisão foi tomada em uma reunião na tarde de quinta-feira, quando o partido teria entendido que “o melhor para Sinop” seria manter a candidatura própria – e tratar uma eventual coligação mais para frente, sempre com uma “ala de direita”.

Dalton já foi candidato a vice-prefeito de Sinop em 2004, ao lado de Baiano Filho, e disputou a prefeitura encabeçando a chapa na última eleição, 2016. Contra Rosana Martinelli e Roberto Dorner, Dalton acabou ficando em terceiro colocado. Sua carreira política acumula ainda dois mandatos de vereador (1997-2000 e 2013 à 2016). Na sua última passagem pela Câmara, Dalton foi eleito presidente do legislativo municipal e uma das suas marcas foi a implantação da Verba de Natureza Indenizatória – que concede aos vereadores uma ajuda de custo mensal para subsidiar as despesas da atividade. Hoje, cada vereador recebe R$ 7,2 mil por mês, sem necessidade de prestar contas, graças à verba indenizatória.