Boa noite, Domingo 29 de Novembro de 2020

Notícias dos Poderes

Ponderado e de alto nível

| 30 de Junho de 2020 as 09h 50min

O vereador pelo Podemos, Tony Lennon, surpreendeu quem acompanhou a sessão da Câmara de Sinop, nesta segunda-feira (29). Diferente do costumeiro discurso colérico, repleto de gestos de indignação, revolta e agressividade, Tony – o Chicote do Povo – optou por uma postura bem mais ponderada, o que consequentemente elevou o debate entre os vereadores.

Se nas breves comunicações os críticos rotineiros da administração municipal, como Dilmair Callegaro, Leonardo Viseira e Lindomar Guida, que usaram a tribuna antes de Tony, reclamaram das ações do Executivo, na prevenção ao COVID-19, depois do discurso fora do óbvio estalado pelo “Chicote do Povo”, o tom do parlamento foi outro.

“Parece que o vírus assola só Sinop e a prefeita Rosana tem culpa de tudo. Eu não acredito que gestor nenhum quer que o COVID assole uma sociedade e comunidade. É um momento que não é fácil pra quem está com a caneta tomar decisões. São problemas que assolam não só Sinop, mas o Brasil e o mundo todo”.

Antes de encerrar a fala, Tony lembrou que além da pandemia que assola o mundo todo estamos em ano eleitoral e que o povo não aceita mais politicagem. “Respeito à opinião de todo mundo, mas muitas vezes não concordo. Nunca vi falar aqui dos acertos, só dos erros. Ela (prefeita) tem tentado acertar, tentado fazer as coisas corretas. Duvido que ela quer o pior pra cidade. Espero que fique gravado, quem for reeleito ou eleito para as próximas eleições, se Deus me der a oportunidade de estar nessa casa, quero ver se a pessoa vai só acertar e nunca errar”.

Após a fala de Lennon, o tucano Joacir Testa até ensaiou discurso de crítica, mas sem sucesso.