Boa tarde, Quinta Feira 28 de Maio de 2020

Geral

Sinfra assina contrato para iniciar obras de pavimentação em Ipiranga do Norte

Serão cobertos 22 km da MT-010

Mato Grosso | 20 de Maio de 2020 as 17h 16min
Fonte: Karine Miranda - Sinfra-MT

Foto: Assessoria

O Governo do Estado, por meio da Secretaria de Estado de Infraestrutura e Logística (Sinfra), assinou contrato para pavimentar 22,14 quilômetros da rodovia MT-010, do trecho do entroncamento da MT-484 até o entroncamento da MT-242, em Ipiranga do Norte.

O contrato foi assinado junto à construtora Tripolo e está publicado no Diário Oficial do Estado que circula nesta terça-feira (19). As obras são fruto de um termo de cooperação firmado entre o Governo do Estado e a Prefeitura de Ipiranga do Norte no mês de fevereiro.

Com a cooperação, a Sinfra ficou responsável por licitar a execução das obras, com exceção de alguns serviços que serão executados diretamente pela prefeitura, sem transferência de recursos. Entre ele, estão às obras complementares, sinalização e controle e recuperação ambiental, por exemplo.

De acordo com o secretário de Estado de Infraestrutura e Logística, Marcelo de Oliveira, a cooperação é um importante modelo de trabalho, pois permite que os custos das obras sejam menores, já que os municípios também compartilham a responsabilidade de executar a pavimentação.

Além disso, essa obra teve seu custo ainda mais reduzido do que previsto, pois a licitação da Sinfra, cujo o valor referência era de pouco mais de R$ 11 milhões, apresentou deságio. Agora a obra será executada por R$ 9,2 milhões.

“Como a Sinfra está pagando em dia os fornecedores, nossas licitações apresentam deságio e estamos conseguindo reduzir os valores.  Com isso está sendo possível o Estado   entregar obras de qualidade com custo mais baixo”, disse o secretário.

Para o prefeito de Ipiranga do Norte, Pedro Ferronato, a assinatura do contrato para a execução das obras é um importante passo para a realização do sonho de ter a pavimentação no município, que trará inúmeros benefícios para a região.

Além de beneficiar o escoamento da produção agrícola dos cerca de 500 mil hectares de lavoura no município, a pavimentação também vai melhorar a logística para as áreas da educação e saúde, que terão mais uma rota alternativa para se chegar ao município de Lucas do Rio Verde.